08 setembro 2012

Nada é eterno.

eternidade
- O problema é esse vicio que a gente tem em ETERNIDADE. 
As pessoas ficam cegas, sofrem, criam raiva, se desesperam e acabam estragando tudo que foi bonito um dia por simplesmente achar que deveria ter sido eterno.
O que na verdade não é nossa culpa , porque crescemos ouvindo historinhas com o dramático final "e foram felizes para sempre". Alguns anos depois a gente se apega a escritores ultra românticos, que dizem que os sentimentos verdadeiros são eternos. Depois vem os filmes né ? Daquele casal cujo o destino foi traçado na maternidade. Das novelas não gosto nem de falar.
Mais a verdade é que os livros,contos de fadas,novelas e filmes também tem uma duração, vão variar de 2 horas e meia a umas 250 paginas talvez.
Mais e depois? Depois queridos, TUDO acaba.
Sabe o casal do filme? Pois é, eles vão fazer outro filme, muito provavelmente separados.
A escritora vai fazer outro livro, e aquela novela desde o primeiro capitulo já tem uma outra pra substitui-la. Então sem mais ilusões.
Crescida por fora e por dentro, concluo que a felicidade é agora.
Sejamos felizes a cada momento. Que a gente saiba aproveitar cada fase, pois todo "oi" mais cedo ou mais tarde vem acompanhado de um "adeus".
As pessoas mudam, os sentimentos mudam .
Nada é eterno, repito, nada é eterno, nem se quer nos mesmos. ( Lorena Aguilar )

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AddThis