28 fevereiro 2013

Um pouco mais sobre a Escritora do Blog .

Oi, oi geente ...
Esse é um post beem diferente do que vocês estão acostumados, hoje resolvi responder via Blog algumas perguntas que recebo constantemente pelo e-mail e redes sociais em geral...
Eu sei que fiquei de fazer um vídeo resposta, mais realmente não rolou, ficou horrível, e acreditem em mim foi melhor o texto mesmo haha "
Então lá vai.

PERFIL: LORENA CRISTINA, MINEIRA,20 ANOS.


Estado Civil? Solteira *-*
Altura e Peso? Não sei, acreditem se quiser, faz muito tempo que eu não meço, mais da ultima vez tinha, 1,73 (não sei se eu cresci) e peso a ultima vez que pesei também tava com 46 quilos, eu sei,sou uma pena =(
Melhor Amigo? Então um só é difícil, impossível diria, mais vou responder com o nome dos mais próximos... Amigos: Kesller, Daniel, Herik, Marcus
Amigas: Ananda, Delly, Iasmim, Jessica, Larissa.
Um Sonho? Poxa um só é complicado também, mais no momento acho que me formar em Direito e seguir carreira como Delegada.
Tem muitos problemas com seus pais? Eu moro só com meu pai, então se torna obvio que eu tenha mais problemas com ele, mais entre tapas e beijos a gente vai vivendo.
É verdade que primeiro amor a gente nunca esquece? É sim, verdade absoluta.
Qual é a idade que você acha boa pra se perder a virgindade? Ah, sei lá, na idade que você estiver afim, eu sou a favor de esperar alguém especial, vejo muita gente fazendo por impulso e arrependendo-se, mais acho que cada um sabe quando é a idade certa, não existe idade certa pra todos, isso vai variar de pessoa pra pessoa... E o mais importante nunca faça nada por pressão, só faça se você quiser,
Você escreve mais de dia ou de noite? Antigamente era mais de noite, porque era quando eu tinha tempo, hoje na hora que eu estiver inspirada é isso mesmo.
Como surgiu a idéia de fazer o blog? Uma amiga minha tinha um onde guardava os textos de escritores que ela mais gostava, ai vi aquilo, fiquei pensando e fiz um pra mim, não esse, era outro onde eu comecei a armazenar textos que eu me identificava também, ai o tempo passou e eu já escrevia desde sempre, cartinhas, e tal, então veio à idéia de fazer um blog para publicar os textos de minha autoria.
Quem ou o que te inspira a escrever? Bom, geralmente escrevo sobre coisas que acontecem comigo. “Então, posso dizer que o que me inspira é a vida mesmo, ultimamente não estou escrevendo muito, e agora vocês devem entender porque, a vida ta de sacanagem comigo haha”
Às vezes também escrevo sobre coisas que me contam ou eu vejo acontecendo, mais e bem mais raro.
Já pensou em escrever um livro? Já sim, inclusive já tenho um resumão geral, tenho essa idéia predefinida, e agora é desenvolver, acho que esse ano vai da pra me dedicar mais a ele, ano passado estive meio relapsa.
Você é conta ou favor da legalização da maconha e do aborto no Brasil? Sou a favor da legalização, que fique claro, não a favor do aborto em si e nem do uso de drogas, mais acho que cada um sabe o que faz e livre arbítrio serve pra isso, ficar proibindo não adianta nada, as pessoas tem que se conscientizarem e entenderem o que é melhor pra elas, cada uma pesa as coisas do jeito que achar mais conveniente, a proibição em minha opinião não ajuda em absolutamente nada.
Uma musica que você goste muito? Não vale a pena (Maria Rita)
O que você acha de pessoas que terminam relacionamentos e continuam se encontrando? ”Eu acho assim, que se eu apontar o dedo pra alguém  meu dedo cai, é isso que eu acho haha” mais na boa, não vejo problemas DESDE QUE, ambos tenham certeza que aquilo ali se trata de diversão e entendam que o relacionamento acabou, sem cobranças, sem pressão, todo mundo feliz, caso contrario não da certo.
Um defeito? Bom, um só, eu tenho mil defeitos, escolher só um é covardia, mais vamos pelo clássico  INSEGURANÇA.
Uma qualidade? Senso de humor elevadíssimo haha.
Se apaixona com facilidade? Não, nem consigo, acho que se conseguisse minha vida seria mais fácil.
Você é solteira, e escreve muitos textos de amor, isso tem a ver com algum relacionamento mal resolvido? Poooxa vida heeeim haha, bom não diria mal resolvido, eu sempre tive dificuldades de fechar ciclos, e desfazer de uma só vez de um “possível grande amor” não dava, ai eu escrevo, é uma forma de eternizar uma historia bonita.
Escritores que você admira? Machado de Assis, Tati B, Caio Fernando, Fernanda Young, Sidney Sheldon, Mario Quintana, entre outros.
Tipo de homem que te atrai? Homem engraçado sabe, tenho um amor sobrenatural por gente que me faz rir. 
Você acha que tem mais amigos ou inimigos? Deus queira que mais amigos né, rsrs.
Como você age quando percebe que alguém esta sendo falso com você? Bom, procuro não julgar ninguém, se for muito aparente me afasto, porque às vezes também é a gente que cria isso na cabeça NE? Muitas vezes a pessoa não ta nem lembrando que você existe e você julgando, prefiro ficar na minha pra não errar com julgamentos ruins com pessoas que não tem nada a ver.
Uma frase que você ame?  “Nada como um dia apos o outro.”
Homem safado ou santinho? HOMEM DE VERDADE, por favor, ta em falta, acho digno começarem a aparecer haha.
O que você pensa sobre traição em um namoro? Eu penso pra que perde o tempo namorando então porra, isso que eu penso ninguém é obrigado a assumir um relacionamento, agora se assumiu trate de fazer o trem direito, não ta dando certo? Termina que é melhor.
Qual a coisa que você mais gosta de fazer? Estar com pessoas que REALMENTE gostem de mim, me faz um bem danado.
Você se considera feliz? Siim, muito por sinal, fala seeerio, sofrer todo mundo sofre né, mais não precisa se afundar numa depressão profunda e se matar por coisas que não saíram da forma esperada, a gente tem que ser feliz, porque no fundo todos nos nascemos pra isso.
Quantos relacionamentos sérios você já teve? Que eu realmente levei a serio, um.

Então é isso gente, espero que gostem ;*
(Observação: Não respondi todas as perguntas, algumas preferi não responder porque achei que seria muita exposição, e isso não é bacana... beijooos ;* )

Mais perguntas?  http://ask.fm/loorenacriis

25 fevereiro 2013

Eterna Criança



De pensar que a criança que fui, queria ser exatamente como eu quando crescesse , me dá uma PAZ e ALEGRIA sem tamanho . 
Todos os dias ao me olhar no espelho, ainda vejo o reflexo daquela pequena menina, que hoje não tão pequena , aprendeu a voar, exatamente como havia de ser. 
Todos os dias a pequena me sorri, me olha com aqueles olhinhos de pura inocência, e pede que a gente nunca se perca. 
Pronto , suspiro, por enquanto dever cumprido. 
Mais sabe criança, eu ainda quero muito mais, quero que quanto mais o tempo me leve, mais eu seja leve e mais você se orgulhe de mim. 
Porque no fundo eu sei que com o tempo, ao invés de me perder criança de novo voltarei a ser. (Lorena Aguilar)

18 fevereiro 2013

Eu não queria ter razão, eu queria ter você.


Eu nunca fui do tipo de pessoa que se apaixona fácil, que se envolve rápido, e vê amor em tudo.
Sempre fui esperta, segura, muito pé no chão. Sempre achei engraçado quem consegue amar com tanta facilidade e de repente esquecer com a mesma. Quem consegue sair atropelando pessoas e sentimentos, saindo de um relacionamento e rapidamente entrando em outro, sem sequer dar tempo para absorver os motivos pelo qual, o amor que era vital a uma semana atrás deixou de ser.
Na verdade sempre achei graça no amor, e nunca  almejei ter um pra mim.
É tudo tão louco, um dia as pessoas amam, no dia seguinte não mais. Hoje ama fulano, amanha ciclano é dono do seu coração... As pessoas saem se machucando e acumulando magoas sem se preocupar com os outros. Colocam erros em cima de erros, quase paixão, quase amor, quase tudo, nunca nada concreto.
Pois bem, esse nem é exatamente o ponto. Verdade é, eu nunca tinha me envolvido emocionalmente com ninguém, sempre preferi ficar na minha, achava mais seguro. Nunca senti tesão algum em entregar meu coração pra alguém que iria quebrá-lo em semanas , meses, ou se eu tivesse muita sorte alguns anos.
Pra mim amor sempre foi coisa perigosa, e eu como boa menina cautelosa que sou, preferia me poupar.
Como já havia dito antes, sempre me considerei esperta de mais pra me jogar assim de cabeça, sempre.
Mais ai apareceu você, e me virou do avesso, eu não me rendi, deixo claro, fui invadida.
Logo eu, que sempre fui acostumada a andar sozinha, com meus pesos e excessos, eu, que nunca sonhei em dividir meus erros ou acertos com ninguém, nunca sonhei em ter colo, carinho e nenhuma dessas coisas que é proveniente desse sentimento. Eu que sempre me senti em paz comigo mesma, que nunca tive a menor pretensão de ter um amor, porque na teoria já era complicado de mais e eu sequer queria partir pra pratica.
Mais ai você sabe né, não adianta fugir, quando dei por mim, já era. Meu primeiro amor, meu ultimo adeus. Me joguei de cabeça nesse sentimento, me entreguei de corpo alma e tudo mais que se pode existir, esqueci de toda a cautela , de todo medo, esqueci de tudo. E ai, a BOMBA, "não da mais".
Todas as minhas teorias de vida se provaram com o nosso fim, nada dura para sempre, bom ou ruim, tudo sempre acaba. E a gente acabou também. Tão de repente quanto começou.
Acho que você também sempre foi desses que recua por medo, inseguro. Acho que foi um amor prematuro, talvez hoje tivesse dado certo, mais no fim, não deu.
Não consegui enxergar seus medos, e inevitavelmente escondia os meus. Eu que sempre tão segura de mim, tão cautelosa, tão medrosa até, voltei a estaca zero.
Agora me diz, pra que?
Eu só queria estar errada, eu não queria um amor pra me provar que sempre estive certa. 
Eu nunca quis um amor, e não necessitava dele para provar minhas teorias.
Eu que sempre fui a dona da razão, queria ao menos dessa vez perde-la.
Perder a razão, os sentidos, os medos, a insegurança, perder tudo. Menos você. (Lorena Aguilar)

15 fevereiro 2013

Que se danem .


E que se danem as incertezas alheias, a vida é curta de mais pra se prender a infinitas esperas sem razão, e eu, grande de mais pra ficar presa a isso.
A felicidade vem pra quem se arrisca, se joga, se doa. 
Quem planeja muito, acaba por ter uma vida regrada de pequenos momentos felizes, que só tem, quem tem coragem de se jogar no escuro, sem saber o resultado e sem sequer querer sabe-lo. 

A felicidade vem pra quem pensa menos, quem age por impulso, quem acerta sem planejamento. Essa historia de viver uma vida regrada, tudo no seu lugar, uma pagina de cada vez, tudo do jeito que "tem que ser" , não dá certo, pelo menos não pra mim.
Arrisque-se mais , viva mais, faça mais.
Porque a unica certeza que temos é que um dia o amanha não chega, as chances se esgotam, e a vida simplesmente acaba. (Lorena Aguilar)

14 fevereiro 2013

Lorena Aguilar.



Vem e Fica. Mais se assim preferir , não vem.
Não estou mais oferecendo hospedagem temporária, 
agora só entra se for me fazer moradia definitiva. (Lorena Aguilar)

AddThis